Terça, 31 Outubro 2017 10:31

UENP tem proposta aprovada para Assistente de Ensino de Inglês Destaque

Escrito por
  Por meio da proposta submetida pela Coordenadoria de Relações Internacionais (CRI) ao Programa CAPES/Fulbright de Assistente de Ensino de Língua Inglesa (English Teaching Assistant – ETA), a Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP) receberá, em 2018 e 2019, assistentes de ensino de língua inglesa por ano (ETAs). Os ETAs são cidadãos estadunidenses, falantes nativos, selecionados criteriosamente segundo o perfil de cada universidade pela Fulbright, um Programa Educacional e Cultural do Governo dos Estados Unidos da América que tem, como principal objetivo, ampliar o entendimento entre os EUA e outros países, concedendo bolsas de estudo para pesquisa e ensino a cidadãos norte-americanos e de outros 150 países.   O programa ETA objetiva contribuir para o ensino do idioma inglês nos cursos de licenciatura em Letras-Inglês das Universidades brasileiras, além de apoiar os Centros de Idiomas e outros programas de línguas estrangeiras. A UENP, que já possui outras ações de fomento ao aprendizado da língua inglesa como os Programas Paraná fala Inglês, Idiomas sem Fronteiras e o Centro Internacional de Idiomas, foi uma das 40 Instituições de Ensino Superior do Brasil com proposta aprovada.   A proposta terá até dois anos de duração, contemplando a inserção de quatro (04) assistentes de ensino por ano. Os ETAs participantes do programa serão selecionados pela Fulbright nos EUA ainda este ano e receberão os benefícios previstos em edital para realizar suas atividades no Brasil a partir de fevereiro pelo período de até nove meses.   Para a coordenadora de Relações Internacionais da UENP, Eliane Segati Rios Registro, esta será uma ótima oportunidade para a nossa comunidade universitária interagir com os falantes nativos em contextos reais, proporcionando o contato com a língua e cultura norte-americana. “Os beneficiários diretos  serão os alunos dos cursos de Letras da UENP e dos nossos programas PFI, IsF e alunos do Centro Internacional de Idiomas”, acentua Eliane.  
Lido 331 vezes Última modificação em Terça, 31 Outubro 2017 10:43